Atualizado em 03.04.2012

Institucional | Histórico

1967

Tem início a Aracruz Florestal no Espírito Santo e os primeiros plantios de eucalipto.

1968

Fundação da Aracruz Celulose.

1978

Início de operação da primeira unidade industrial da Aracruz, no Espírito Santo.

1985

Inauguração do Portocel, único porto no Brasil especializado no embarque de celulose, no Espírito Santo.

1988

Grupo Votorantim adquire um projeto no segmento de papel e celulose em São Paulo.

Fundação da VCP.

1992

A VCP adquire a da Papel Simão.

1997

VCP passa a operar com terminal exclusivo no Porto de Santos.

1999

Inauguração da unidade industrial da Aracruz Produtos de Madeira.

2000

Ações da VCP começam a ser negociadas na Bolsa de Valores de Nova York.

Aracruz ingressa no controle acionário da Veracel.

2001

VCP adquire 28% do capital da Aracruz Celulose.

2002

Partida da terceira linha de fibra da Aracruz, chamada “Fábrica C” no Espírito Santo.

2004

Aracruz assina o Pacto Global.

2005

Partida da Veracel Celulose na Bahia, joint venture da Aracruz com a Stora Enso.

Aracruz figura no Índice Dow Jones de Sustentabilidade.

Os papéis da VCP passam a integrar o Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bovespa.

2006

VCP anuncia troca de ativos com a International Paper e assume o Projeto Horizonte, em Mato Grosso do Sul.

2008

VCP assina o Pacto Global da ONU e figura no Índice Dow Jones de Sustentabilidade.

VCP e Suzano criam a Conpacel (Consórcio Paulista de Papel e Celulose).

2009

Início da operação do terceiro berço de atracação de navios no Portocel.

VCP conclui as negociações para incorporação da Aracruz.

Iniciada a operação da fábrica de Três Lagoas (MS), com capacidade produtiva de 1,3 milhão de toneladas/ano de celulose.

Nasce a Fibria, líder mundial em celulose de mercado, resultado da incorporação da Aracruz pela VCP, com 15 mil funcionários e capacidade para produzir cerca de 5,4 milhões de toneladas de celulose e mais de 300 mil toneladas de papel por ano.

2010

Fibria entra no Novo Mercado da BM&FBOVESPA.

2011

Conclusão da venda dos ativos do Conpacel e da KSR para a Suzano Papel e Celulose.

Venda da Unidade Piracicaba à Oji Paper.