Contatos das Assessorias de Imprensa

Fleishman HillardNacional
Andrea Donadio
Tel.: (11) 3185 9934
Daniele Camba
Tel.: (11) 3185 9939
Cel.: (11) 95500 5651
Célia Nogueira
Tel.: (11) 3185 9923
Cel.: (11) 98999 0069
Pauta 6 ComunicaçãoES e BA
Rogéria Gomes
Tel.: (27) 3235 6996
Performa ComunicaçãoInterior de SP
Luciana Navarro
Tel.: (67) 3522 9838
(12) 99679 8423
Fernanda Turco
Tel.: (12) 98158 4205
Performa ComunicaçãoMS
Luciana Navarro
Tel.: (67) 9803 7092
Laila Rebecca
Tel.: (12) 99679 8331
(67) 3522 9838
Fernanda Turco
Tel.: (12) 98158 4205

Atualizado em 03.01.2017

MídiaReleases

3 de janeiro de 2017 - Plano de Ação vai estimular melhorias no cultivo de mandioca no extremo sul da Bahia

Teixeira de Freitas (BA) – A produção de farinha e derivados da mandioca, como beiju e tapioca, é uma tradição que atravessa muitas gerações na Bahia. Com o objetivo de apoiar o desenvolvimento desta atividade, foi lançado no dia 15 de dezembro o Plano de Ação da Mandiocultura do Território do Extremo Sul da Bahia, que beneficiará oito municípios da região. A Fibria foi um dos participantes de sua elaboração, por meio das equipes técnicas que atuam no Programa de Desenvolvimento Rural Territorial (PDRT). A empresa também apoiará o desenvolvimento do Plano, acompanhando nove famílias de agricultores participantes do programa.

Durante o lançamento, na Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, foi realizada uma palestra com pesquisadores da Embrapa de Cruz das Almas sobre a Rede Reniva, uma iniciativa de multiplicação e transferência de manivas-sementes (partes da haste da mandioca) com qualidade genética e fitossanitária. A rede possibilitará o acesso dos produtores às variedades produzidas pelo programa, material isento de pragas, resistente a doenças e altamente produtivo.

A elaboração do Plano de Ação teve a participação de entidades públicas, privadas e representantes dos agentes produtivos. Entre eles, além da Fibria, esteve o Banco do Nordeste, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Instituto Biofábrica, Secretaria de Desenvolvimento Rural da Bahia, Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), Instituto Federal Baiano e outras organizações e instituições do colegiado territorial.

O projeto terá um corpo técnico que fará a assistência técnica e extensão rural junto aos agricultores familiares integrantes. O objetivo é ampliar a produção de mandioca no território do Extremo Sul da Bahia e promover o aumento da produção e da renda do agricultor.

Sobre o PDRT – O Programa de Desenvolvimento Rural Territorial (PDRT) tem como objetivo capacitar agricultores familiares, organizados em associações para desenvolver cultivos diversos e a criação de pequenos animais, contribuindo para incrementar a renda das famílias. O programa é a principal ferramenta de engajamento da Fibria com as comunidades vizinhas às suas operações. Os agricultores recebem assistência técnica e estímulo ao uso de tecnologias de baixo custo e reduzido impacto ambiental, além de incentivo e orientação para o acesso dos produtores a políticas públicas, ampliando as possibilidades de comercialização dos produtos.

<< VOLTAR