Contatos das Assessorias de Imprensa

Fleishman HillardNacional
Andrea Donadio
Tel.: (11) 3185 9934
Daniele Camba
Tel.: (11) 3185 9939
Cel.: (11) 95500 5651
Célia Nogueira
Tel.: (11) 3185 9923
Cel.: (11) 98999 0069
Pauta 6 ComunicaçãoES e BA
Rogéria Gomes
Tel.: (27) 3235 6996
Performa ComunicaçãoInterior de SP
Luciana Navarro
Tel.: (67) 3522 9838
(12) 99679 8423
Fernanda Turco
Tel.: (12) 98158 4205
Performa ComunicaçãoMS
Luciana Navarro
Tel.: (67) 9803 7092
Laila Rebecca
Tel.: (12) 99679 8331
(67) 3522 9838
Fernanda Turco
Tel.: (12) 98158 4205

Atualizado em 14.02.2017

MídiaReleases

13 de fevereiro de 2017 - Fibria investiu R$ 2 milhões em projetos de desenvolvimento social na região de Capão Bonito (SP)

PDRT2

Capão Bonito – A Fibria, empresa de base florestal e líder mundial na produção de celulose de eucalipto, tem obtido resultados positivos em sua estratégia de desenvolvimento social. Com o intuito de fomentar a geração de emprego e renda e a melhoria da qualidade de vida das comunidades onde atua, em 2016 a companhia realizou um investimento de R$ 2 milhões em programas e projetos sociais em Capão Bonito e região.

Aproximadamente R$ 1,1 milhão foi investido em iniciativas próprias da Fibria, como o Programa Colmeias e o PDRT (Programa de Desenvolvimento Rural e Territorial). O Colmeias, reconhecido como o melhor projeto privado de sustentabilidade do país pela Confederação Brasileira de Apicultura (CBA), incentiva o fortalecimento da cadeia apícola e tem beneficiado cerca de 342 apicultores. Com produção esperada de 1 mil toneladas na região de Capão Bonito e Sorocaba em 2016, estima-se que 28% de todo o mel produzido no Estado de São Paulo seja proveniente das cooperativas de apicultores que utilizam as florestas da Fibria para instalar suas colmeias.

 

 ColmeiasJá o PDRT capacita agricultores familiares, organizados em associações, para desenvolver cultivos diversos e a criação de pequenos animais. Os agricultores recebem assistência técnica e estímulo ao uso de tecnologias de baixo custo e reduzido impacto ambiental, além de incentivo e orientação para acesso à políticas públicas, ampliando as possibilidades de comercialização de seus produtos.

 

Além dessas duas importantes iniciativas da Fibria, a empresa investiu outros R$ 884 mil em projetos de educação e cultura, contribuindo com o desenvolvimento do CreArte, que busca desenvolver crianças e  jovens por meio da cultura, promovendo atividades de música, dança, teatro, pintura e artesanatos. A quantia também auxilia na qualificação de organizações sociais, em Itapetininga.

 

“A participação das comunidades e os resultados positivos adquiridos por meio do diálogo confirmam que a Fibria está caminhando na direção certa, para contribuir com o desenvolvimento social da região e melhorar a qualidade de vida das pessoas”, diz Fausto Camargo, gerente-geral corporativo de Sustentabilidade.

 

Projetos e programas sociais apoiados na região de Capão Bonito em 2016

Programa de Desenvolvimento Rural e Territorial (PDRT)

Abrangência: Capão Bonito, Itapeva e Guapiara.

Objetivo: Busca o desenvolvimento local por meio do fortalecimento das associações comunitárias e suas redes, focando o apoio às cadeias produtivas, promovendo a capacitação das associações.

Programa Colmeias

Abrangência: Capão Bonito, Itapeva, Itapetininga, Sorocaba, Votorantim, Alumínio, Santa Cruz do Rio Pardo e Itatinga.

Objetivo: Contribui para a melhoria da qualidade de vida dos apicultores, gerando trabalho e renda por meio do desenvolvimento e aperfeiçoamento da atividade apícola dentro dos plantios de eucalipto da Fibria.

 

CreArt

Abrangência: Capão Bonito

Objetivo: Promover a democratização cultural e o acesso à cultura aos moradores da Vila Aparecida através da realização de oficinas de Música, Teatro, e Artes (desenho, pintura e artesanato) para crianças e adolescentes ente a idade de 6 a 15 anos em vulnerabilidade social.

 

Qualificações de Organizações em Itapetininga

Abrangência: Itapetininga (Distrito do Rechã)

Objetivo: Promover o fortalecimento institucional de organizações sociais locais para que possam ser agentes multiplicadores de desenvolvimento na localidade, por meio de capacitações e acompanhamento customizado em gestão, planejamento, comunicação e captação de recursos.

<< VOLTAR