Fibria News

Contatos das Assessorias de Imprensa

Fleishman HillardNacional
Andrea Donadio
Tel.: (11) 3185 9934
Daniele Camba
Tel.: (11) 3185 9939
Célia Nogueira
Tel.: (11) 3185 9923
Pauta 6 ComunicaçãoES e BA
Rogéria Gomes
Tel.: (27) 3235 6996
Performa ComunicaçãoInterior de SP
Luciana Navarro
Tel.: (67) 3522 9838
(12) 99679 8423
Fernanda Turco
Tel.: (12) 98158 4205
Performa ComunicaçãoMS
Luciana Navarro
Tel.: (67) 9803 7092
Laila Rebecca
Tel.: (12) 99679 8331
(67) 3522 9838
Fernanda Turco
Tel.: (12) 98158 4205

Atualizado em 28.10.2016

MídiaReleases

28 de outubro de 2016 - Com apoio da Fibria, Programa Colmeias torna a apicultura uma importante atividade econômica na região de Capão Bonito (SP)

Capão Bonito, 20 de outubro de 2016 – A Fibria, líder mundial na produção de celulose de eucalipto, tem como diretriz em sua estratégia de investimento social a geração de emprego, renda e a melhoria da qualidade de vida das comunidades onde atua. Um dos principais projetos da empresa em Capão Bonito (SP), o Programa Colmeias, tem contribuído com o fortalecimento da atividade apícola nas cidades da região e beneficiado cerca de 342 apicultores. Com produção esperada de 1 mil toneladas na região de Capão Bonito e Sorocaba em 2016, estima-se que 28% de todo o mel produzido no Estado de São Paulo seja proveniente das cooperativas de apicultores que utilizam as florestas da Fibria para instalar suas colmeias.

Desenvolvido em parceria com a Syngenta, líder global em soluções integradas para o agronegócio, e com o apoio do Sebrae-SP, em 12 anos o programa alcançou seu nível de maturidade e trouxe inúmeras conquistas para os apicultores. A mais recente delas é o aumento na produção do mel, resultado do processo de melhoramento genético das abelhas.

“O aumento da produção reflete o investimento que a empresa realizou, em parceria com a Syngenta, na criação do Apiário Experimental, para aperfeiçoar as técnicas e manejo das abelhas e alavancar a produção de mel em Capão Bonito”, diz o consultor de Sustentabilidade da Fibria, Israel Batista Gabriel.

Outro avanço foi a criação de um Comitê Gestor, em 2015, que reúne representantes das associações AAPICAB (Capão Bonito), AAMI (Itapeva), APIS (Itapetininga), AAPC (Itatinga), Alumel (Alumínio) e AAPISC (Santa Cruz do Rio Pardo), além de profissionais da Fibria, do Sebrae-SP e da Zapata Consultoria.

“Por meio do Comitê Gestor, as associações conseguem impulsionar a comercialização de seus produtos e aumentar ainda mais a produtividade, obtendo um melhor preço na hora de negociar com os clientes, alguns deles sendo grandes exportadoras. Atualmente, o Comitê Gestor discute formas de realizar compras coletivas, o que pode reduzir gastos com insumos”, afirma o consultor de Sustentabilidade, Israel Batista Gabriel.

Em uma parceria do IBD (Instituto Bio-Dinâmico) com a Fibria, representantes do Programa Colmeias foram treinados para que auxiliassem nas auditorias internas, a fim de obterem a certificação. O resultado foi o menor custo na hora de conseguir o certificado, que estará em cerca de 130 toneladas do mel produzido em Capão Bonito.

As certificações orgânicas asseguram ao consumidor que o produto obedece às normas e práticas da produção orgânica, estipuladas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro). Além disso, no Brasil existe o Cadastro Nacional de Produtores Orgânicos no qual só é possível fazer parte se tiver a certificação.

Desenvolvimento da cadeia apícola – O Programa Colmeias teve início em 2004, no município de Capão Bonito (SP). A Fibria disponibiliza uma consultoria especializada, que inicia a organização e a formalização de associações, assistência técnica e tecnologias voltadas para gestão, produção, comercialização e fortalecimento dos apicultores. Outra atividade realizada pela consultoria técnica é um estudo detalhado pelo georreferenciamento que, com apoio de satélites, possibilita estabelecer a melhor localização das colmeias em meio às florestas plantadas de eucalipto.

Reconhecimento – Em 2014, o Programa Colmeias foi um dos casos de sucesso descritos na segunda edição do livro “Gestão Sustentável na Agricultura”, lançado pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A publicação anual faz referência à premiação que reúne iniciativas exemplares de eficiência na gestão sustentável no agronegócio. Já em 2016, a Fibria foi homenageada pela ABA (Associação Brasileira de Apicultura), no Congresso Nacional de Apicultura, que aconteceu em Fortaleza (CE), por desenvolver um dos melhores programas privados de apicultura do país.

 

Sobre a Fibria

Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria é uma empresa que procura atender, de forma sustentável, à crescente demanda global por produtos oriundos da floresta. Com capacidade produtiva de 5,3 milhões de toneladas anuais de celulose, a companhia conta com unidades industriais localizadas em Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Três Lagoas (MS), além de Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint-operation com a Stora Enso. A companhia possui 969 mil hectares de florestas, sendo 568 mil hectares de florestas plantadas e 338 mil hectares de áreas de preservação e de conservação ambiental. A celulose produzida pela Fibria é exportada para mais de 40 países. Em maio de 2015, a Fibria anunciou a expansão da unidade de Três Lagoas, que terá uma nova linha com capacidade produtiva de 1,95 milhão de toneladas de celulose por ano, e entra em operação no quarto trimestre de 2017. Saiba mais em www.fibria.com.br

 

Informações à Imprensa:

Performa Comunicação

Lucas Carvalho | lucas.faria@performa.com.br | 12 9 9188-7437 l 12 3939-2699

Fernanda Turco | fturco@performa.com.br | 12 98158.4205

 

<< VOLTAR